Consciência Negra é temática trabalhada com os usuários do SCFV e NACAD

Publicado em 25/11/2019 às 14:00

Consciência Negra é temática trabalhada com os usuários do SCFV e NACAD
Novembro é o mês da Consciência Negra, dedicado à realização de ações para lembrar e destacar a luta dos negros contra a discriminação racial e a desigualdade social, enquanto que o Dia da Consciência Negra é comemorado em todo país no dia 20 de novembro. Diante desse contexto, o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos – SCFV e o Núcleo de Apoio à Criança e ao Adolescente – NACAD, desenvolveram o projeto intitulado “O ser humano não tem cor”, com o objetivo de levar as crianças e adolescentes a refletirem sobre a diversidade étnico-cultural que cada povo possui, promovendo o respeito às diferenças e a valorização do ser humano e da identidade cultural de todos os povos, para que dessa forma mudanças significativas na prática social sejam percebidas e seja efetivado o desenvolvimento da consciência cidadã.
Assim, durante todo o mês de novembro, as crianças e adolescência do NACAD e do SCFV puderam conhecer mais profundamente a cultura afro, desde a sua história, costumes, vestimentas, culinária e outras contribuições. O projeto teve sua culminância realizada nesta sexta, dia 22 de novembro, através de apresentações culturais, desfile e apresentação das vestimentas, além da exposição dos trabalhos realizados, degustação de comidas típicas e algumas reflexões realizadas pelos oficineiros e pela Coordenadora dos Programas Sociais, Francinete Cunha, que trouxe para a discussão a evolução das conquistas ocorridas ao longo dos anos e a mensagem de que todos precisam lutar e resistir para combater o preconceito e a discriminação racial tão presente ainda nos dias de hoje. A equipe do NACAD e do SCFV ainda produziu um documentário com depoimentos de usuários e oficineiros sobre a temática. Para a coordenadora do NACAD, Dieska Vasconcelos, “discutir temas como esse são de extrema relevância para o crescimento pessoal de nossos usuários. Sabemos que o preconceito e o racismo ainda estão presentes nos dias atuais e falar sobre eles é uma forma de ensinar nossas crianças e adolescentes a propagarem e disseminarem o amor e não o preconceito”.
Imagens
  • img-20191125-wa0004.jpg
  • img-20191125-wa0008.jpg
  • img-20191125-wa0007.jpg
  • img-20191125-wa0006.jpg
  • img-20191125-wa0005.jpg
  • img-20191125-wa0011.jpg
  • img-20191125-wa0010.jpg
  • img-20191125-wa0009.jpg
  • img-20191125-wa0013.jpg
  • img-20191125-wa0015.jpg
  • img-20191125-wa0016.jpg
  • img-20191125-wa0019.jpg
  • img-20191125-wa0018.jpg
  • img-20191125-wa0020.jpg
  • img-20191125-wa0017.jpg
Tempo
Picuí - PB
Mín 19ºC
23º
Máx 27ºC
Predomínio de sol

Mais Lidas